ATROFIA MUSCULAR X TORÇÃO MUSCULAR

25 de junho de 2017

Atrofia Muscular

A atrofia muscular ocorre quando os músculos enfraquecem. A principal razão para esse enfraquecimento é a falta de atividade física. Isso pode acontecer quando uma doença ou lesão dificulta ou impossibilita a movimentação de um braço ou uma perna.

Pode haver perda de massa muscular quando um dos membros parece menor do que o outro (mas não mais curto). É bom fazer um exame físico para determinar a causa dessa perda. O médico determinará também o tratamento a ser feito. Em alguns casos, o enfraquecimento muscular pode ser revertido com dieta adequada, exercícios ou fisioterapia.

Torção Muscular

Devido ao desequilíbrio entre mecanismos inibitórios e excitatórios nas distonias, provavelmente reduzindo a inibição, ocasionará aumento da excitabilidade no córtex motor primário, o que poderia explicar a excessiva contração muscular tônica, involuntária, que caracteriza semiologicamente e gera a distonia. Ocorre nesta dificuldade em focalizar os comandos musculares durante a realização de um movimento voluntário, ocasionando consequente recrutamento de músculos não desejados, utilizando-se assim os músculos antagonistas, os sinergistas posturais ou outros distantes. Este fenômeno de overflow e a contração podem ser devido a alterações na representação cortical de músculos adjacentes, devido ao aumento da área de representação de cada um. A eletromiografia com eletrodo concêntrico de agulha, revela descarga contínua dos potenciais da unidade motora indiferenciáveis do recrutamento em contração muscular voluntária, o que pode distinguir as distonias de outras contrações musculares anormais de origem periférica, tais como, tetania, câimbra, atividade muscular contínua e miotonia, nas quais se encontram descargas de alta frequência. As contrações involuntárias podem aparecer em repouso, durante a realização de uma ação específica ou em ambas as situações.

Diferença

Na distonia existe uma impressão de encurtamento do músculo, mas é apenas  para olhos não treinados, porque é possível observar que o músculo está contraído,  semelhante ao que acontece no exercício físico de musculação, enquanto que na atrofia é possível o observar a perda muscular.

A atrofia muscular também pode acontecer se a pessoa estiver acamada ou for incapaz de mover algumas partes do corpo devido a algum problema médico. Os astronautas estão sujeitos à atrofia muscular depois de alguns dias de ausência de gravidade.

Postado em Blog por Nilde Soares

Deixe um Comentario