Categoria: Direitos do Pacientes

5 de setembro de 2018

  Resultado de imagem para planos de saude Esta é uma relação de nomes de planos de saúde em cidades brasileiras que estão autorizando a aplicação da toxina botulínica. Em tempo: alguns planos de saúde pagam a toxina somente com o paciente internado ou em hospital (procedimento eletivo). Vale ressaltar que o paciente deve checar as informações junto ao seu plano.

Todos os pacientes que possuem plano de saúde regulamentado na lei 9656/98 tem o direito ao tratamento com toxina botulínica.

Clique na relação abaixo e veja se o seu convênio esta na lista. RELAÇÃO DOS CONVÊNIOS QUE FAZEM APLICAÇÃO DE TOXINA BOTULÍNICA  

O Blog Distonia Saúde fornece o conteúdo disponível nesta página apenas como informação. O Blog não se destina a fornecer instruções nas quais você se apoiar para determinar o diagnóstico, o prognóstico ou o andamento do seu tratamento; para isso consulte um médico.

Postado em Blog, Direito, Direitos do Pacientes, Informativo por Administradora
18 de junho de 2018

A Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou nesta segunda-feira, dia 18, a nova classificação internacional de doenças, a CID-11. Entre as novidades da publicação, estão a inclusão do distúrbio de games como um dos problemas de saúde mental, além de capítulos inéditos sobre medicina tradicional e saúde sexual. A Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados com a Saúde, mais conhecida como CID, é um das principais ferramentas epidemiológica do cotidiano médico. A principal função do CID é monitorar a incidência e prevalência de doenças, através de uma padronização universal das doenças, problemas de saúde pública, sinais e sintomas, queixas, causas externas para ferimentos e circunstâncias sociais, apresentando um panorama amplo da situação em saúde dos países e suas populações. Segundo o site das Nações Unidas, o documento disponibilizado essa semana é uma pré-visualização para que os países possam planejar seu uso, preparar traduções e treinar profissionais de saúde. A CID-11 será apresentada oficialmente em maio de 2019, du

Postado em Blog, Direitos do Pacientes, Noticia, Reportagem, Sem categoria por Administradora
1 17 de abril de 2018

Olá, Imagine a cena: Você tem uma consulta médica marcada para às 14h. Chega às 13:50 no consultório, espera quase uma hora (além do seu horário) para ser atendido, finalmente o médico te chama. Ele nunca te viu, pergunta o que você está sentindo, no máximo sabe a sua idade. Não te pesa, não pergunta sua altura, nem sobre seus hábitos ou doenças preexistentes, passa um monte de exames e manda voltar com eles prontos.

Você também pode substituir essa cena por uma versão “encurtada” (se é que isso é possível): o médico pergunta “o que você tem” (opa, não era ele quem deveria dizer isso?), fecha um diagnóstico precipitado, estica a mão até um armário que está perto dele, te dá umas amostras grátis, pega o receituário, coloca uns nomes específicos de remédios em uma letra impossível de ler e fala pra você voltar quando terminarem os medicamentos.

Ah, mas tudo bem, você deve pensar que o consultório tá cheio, que as pessoas (inclusive você)